Blog dedicado ao estudo completo do Evangelho de João. Aqui ofereceremos estudos bíblicos, comentários, esboços para pregação, mensagens, explicações e interpretações do Quarto Evangelho canônico.

Esboço do Evangelho de João

Esboço do Evangelho de João
Broadus David Hale


O PRÓLOGO (1:1-18)
I — O Lógos em Sua Existência Eterna Absoluta (1:1)
II — O Lógos em Relação à Criação (1:2-18)
1. Os Fatos Essenciais (1:2-5)
2. A Manifestação Histórica de Maneira Geral (1:6-13)
3. A Encarnação Conforme Apreendida Pela Experiência Pessoal (1:14-18)
1) A Substância do Testemunho Apostólico Pessoal (1:14)
2) A Testemunha da Profecia — João (1:15)
3) A Natureza da Revelação (1:16-18)
(1) Na Experiência dos Crentes (1:16)
(2) Em Relação à Lei (1:17)
(3) Em Sua Fonte Final (1:18)

O LIVRO DOS SINAIS (1:19-20:31)

I — O Primeiro Sinal: Transformação da Água em Vinho em Caná
O Ensino: Jesus É o Cumpridor do Velho e o Doador do Novo (1:19-3:21)
1. O Testemunho de João (1:19-34)
2. O Testemunho dos Discípulos (1:35-51)
3. O Testemunho do Sinal (2:1-3:36)
II — O Segundo Sinal: A Cura do Filho do Régulo
O Ensino: Jesus Não É Limitado por Tempo ou Espaço (4:1-54)
III — O Terceiro Sinal: Cura do Homem Paralítico
O Ensino: Unidade do Ser e Atividade do Pai e do Filho (5:1-47)
IV — O Quarto Sinal: Alimentação das Multidões e Caminhada
Sobre as Águas
O Ensino: Jesus É Salvador, Sustentador e Protetor da Vida (6:1-71)
V — O Quinto Sinal: A Cura do Cego
O Ensino: Jesus É a Luz do Mundo (7:1-10:42)
VI — O Sexto Sinal: A Ressurreição de Lázaro
O Ensino: Jesus É a Ressurreição e a Vida (11:1-12:50)
VII — O Sétimo Sinal: Morte, Sepultamento e Ressurreição de Jesus
O Ensino: Jesus É Emanuel — Deus Conosco (13:1-20:31)

O EPÍLOGO (21:1-25)

I — O Senhor e o Corpo de Discípulos (21:1-14)
II — O Senhor e os Discípulos Como Indivíduos (21:15-23)
III — Observações Conclusivas (21:24,25)



Fonte: Introdução ao Estudo do Novo Testamento. Tradução de Cláudio Vital de Souza. Broadus David Hale, Rio de Janeiro, Junta de Educação Religiosa e Publicações, 1983.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo comentário! Em breve analisaremos seu conteúdo e publicaremos no blog.